QUEM MUITO ABRAÇA, POUCO APERTA



De pouco vale um abraço daqueles fajutos, tapinhas nas costas, quase sem encostar. A gente gosta mesmo é de apertar, sentir o outro perto, acariciar. Tal qual um abraço em uma pessoa é o abraço que você dá nas suas metas, objetivos e sonhos.

Não é que você só possa abraçar apenas uma pessoa por vez – que venham duas, três. Mas certamente quanto mais pessoas no nosso montinho, menos atenção e carinho você está dando para cada uma – menos aperto.Não se trata de que você só possa estudar para um único e isolado cargo, órgão ou concurso, mas certamente se você tenta abraçar cargos demais e muito distintos, haverão disciplinas diferentes demais, logo, pouco aperto. Vai conseguir ser bom em pouca coisa.

Nesse sentido, é importante refletir sobre nosso limite de abraço e aperto. Não para que você deixe de abraçar mais de uma possibilidade – abrace duas ou três, porque seguro morreu de velho. Mas tenha limites, pense bem em quais e quantas você consegue realmente apertar. E se preciso, aperte só uma coisa de cada vez, para só depois pensar em outra.

Dessa forma, é importante definir o limite de o quanto você consegue abraçar realmente apertado. Normalmente menos é mais, menos itens abraços garante mais aperto.

“Quem muito abraça, pouco aperta” Provérbio português

#vahestudar #reflexão

277 visualizações
  • RSS - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco
  • Facebook - Círculo Branco

vahestudar

SHTN, trecho 2, lote 4, Asa Norte, Brasília, Distrito Federal

CPF 062.687.884-51

Entrega de produtos online imediata

vahestudar@outlook.com

© Desde 2015.